Fraca afluência às urnas durante manhã de eleições em São Tomé e Príncipe

O primeiro período de votação para a segunda volta das eleições presidenciais em São Tomé e Príncipe ficou marcado por uma fraca adesão da população aos locais de voto.

Notícias -
Votar

Atualizada!

Os eleitores são-tomenses estão a exercer os seus direitos de voto para a segunda volta das Eleições Presidenciais.

Carlos Vila Nova, apoiado pela ADI e Guilherme Posser da Costa, apoiado pelo MLSTP/PSD são os dois candidatos na corrida ao Palácio-cor-de-Rosa.

Diferente da primeira-volta, até às 13 horas, muitas urnas ainda estavam com votos pela metade e não se constatou as grandes filas de pessoas que aguardavam pela sua vez de votar.

Apesar da fraca afluência, quase todas as mesas de voto abriram às 7 horas como previsto pela Comissão Eleitoral Nacional.

No entanto, segundo o Porta-voz da Comissão Eleitoral Nacional, Victor Correia, a população da zona de canavial, no distrito de Lobata boicotou a entrada da urna e a consequente abertura da mesa de votos.

A votação termina às 18 horas.

Comentar
 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais nem utilize linguagem imprópria.

Últimas

Topo