Jornalistas são-tomenses iniciam formação em Mudanças Climáticas

Iniciou na manhã desta terça, 14 de Setembro na sala de auditório do Centro Cultural Português uma formação sobre as mudanças climáticas para os Jornalistas e Técnicos da Comunicação Social.

Notícias -
Rádio Somos Todos Primos

A formação acontece no âmbito do projetoCumprindo a promessa climática em São Tomé e Príncipe”  que está sendo implementado pela Direção Geral do Ambiente com o apoio técnico e financeiro do PNUD e da parceria NDC (Contribuições Nacionalmente Determinadas).

A formação de 30 horas destinada aos Jornalistas e demais multiplicadores de informação contempla sessões em salas e outras “de campo”, onde serão apresentandas as bases científicas das mudanças climáticas, as suas principais causas e impactos em São Tomé e Príncipe, bem como as  possíveis medidas de mitigação e adaptação.

Renata Marques, uma das formadoras deste atelier de formação, destacou a importância dos Jornalistas nesta matéria:

“Basicamente o que nós queremos é envolver os Jornalistas. Nós sabemos que a questão da comunicação é fundamental, sabemos que não é sempre fácil explicar estas matérias às pessoas, sabemos que não é fácil chegar a sociedade civil, e os Jornalistas são fundamentais nesta matéria”.

Leonor Rocha, cientista em Mudanças Climáticas, também é uma das formadoras nesta seção de formação e espera transmitir aos particpantes as base científicas sobre a matéria.

“Eu pretendo transmitir as bases científicas das mudanças climáticas, tentar transmitir aos jornalistas, aos meios de comunicação social aquilo que são as bases científicas, aquilo que são os conhecimentos de quem estuda esta temática a muitos anos e de quem tem a verdade”, disse a cientista em Mudanças Climáticas, Leonor Rocha.

Comentar
 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais nem utilize linguagem imprópria.

Últimas

Topo