MESARO Aurora

Micaela Henriques: Uma Vida de Terror e Esperança

Depois da morte do meu pai [em 2015] a nossa vida, a minha e da minha mãe, mudou completamente, uma vez que passamos a viver realmente aterrorizadas dentro na nossa própria casa.”

Notícias -
terror

Micaela Henriques

Órfã de Pai e Mãe, Micaela Henriques, jovens portuguesa de 19 anos, afirma que está a viver um “terror” na sua vida causado por uma vizinha. “Depois da morte do meu pai [em 2015] a nossa vida, a minha e da minha mãe, mudou completamente, uma vez que passamos a viver realmente aterrorizadas dentro na nossa própria casa.

Há 5 anos que Micaela não tem paz na residência que herdou do seu pai tudo por conta de uma parcela de terreno que uma vizinha não lhe reconhece o direito de propriedade sobre o mesmo. Depois de várias agressões e insultos, Micaela recorreu ao Tribunal que lhe reconheceu a propriedade do terreno usurpado pela vizinha. “Em fevereiro de 2018 saiu uma sentença cível no Tribunal de Loures” e “o juiz declarou que o quintal é meu e que aquelas pessoas teriam de deixar de o usufruir e reconhecer a propriedade como sendo minha”.

Apesar da decisão favorável do Tribunal os vizinhos da Micaela não respeitaram a sentença. Além de várias agressões e insultos de que foi vítima, em 2019 a mãe da Micaela foi diagnosticada com um cancro e acabou por falecer em novembro do mesmo ano. “Ela [a vizinha] vinha sempre atrás da minha mãe e partia mesmo para agressões físicas”.

Mesmo com todo terror proporcionado pela vizinhança nos últimos anos, Micaela tem conseguido focar-se nos seus estudos. Está no segundo ano de sua licenciatura, quer fazer Erasmus e futuramente especializar-se. “Se eu estiver a estudar não penso naquilo que se passa” conta a jovem universitária.

Depois de cinco anos de sofrimento privado, Micaela Henriques tornou pública a sua história em busca de socorro. “Várias pessoas têm me ajudado”. Neste momento a jovem precisa de ajuda financeira para pagar uma advogada que a está a ajudar no processo de execução da sentença. “Eu peço e apelo a ajuda de todos aqueles que puderem para me ajudar a pagar a minha advogada”. Segundo Micaela a advogada fez a redução do custo real do processo e está a trabalhar mesmo sem saber se será paga na totalidade. “Se cinco mil pessoas ouvirem esta mensagem e cada uma doar um euro eu consigo atingir o valor necessário para pagar a advogada”.

A história de Micaela Henriques inspirou a criação do novo programa da RSTP. Histórias de Vidas, apresentado por Aliko Jomo surgiu em homenagem da Micaela e quinzenalmente vai contar histórias de vida de superação e inspiração na lusofonia.

Últimas

Topo